quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Barquinhos de papel...

Existem momentos onde sentimos que
nada mais dali pra frente será a mesma coisa
São divisores de águas em nossas vidas,
Momento de decidir o caminho,
sabendo que nossas escolhas nos levarão à direções diferentes,
à vivencias diferentes.
É!
É o tal  momento de sair de sua zona de conforto
E como isso é difícil, heim!?!
Mas temos que  parar de fazer o tipo
 "barquinho de papel sendo levado pela água"  a vida toda
É isso mesmo!
Se você não tomar suas próprias decisões
Deixando que os outros decidam por você
Se não tomar as rédeas de sua vida
É isso mesmo que você será
Um barquinho de papel sendo levado pelo água,
arrastado pela correnteza
Se machucando pelas margens
Sem perceber a beleza que existe a sua volta
Sei que quando chegam esses momentos de
"Que caminho eu devo seguir?"
"Qual deles é o melhor?"
Não é fácil decidir, até porque não temos bola de cristal
para sabermos no que nossas escolhas vão nos meter no futuro
Mas tenha uma certeza...
Se você não escolher, a vida vai escolher por você!
Porque na vida só existe um sentido
e é para frente!
Com você ou sem você na direção
Então ouça a voz de seu coração e
Tire o barquinho da água!!
Siga de cabeça erguida
Ciente de que a escolha foi sua,
 independente do que o futuro te reserva
No final você terá uma sensação indescritível ao olhar para trás 
e ver que a sua vida foi conduzida e decidida por você!!
Boa sorte!!

Bjs
Borboleta




13 comentários:

  1. Oi Borboleta ( hummm adoro esse nome)
    Pela manha quando abrimos os olhos não sabemos o que essa luz que se renova a cada dia nos mostrara, então, se sentirmos que o vento esta soprando ao contrario e esta tentando empurrar o barquinho de nossa vida para uma outra direção,não resista, aproveite o vento para mudar a posição das velas, bjos

    ResponderExcluir
  2. Adorei !
    "Navegar é preciso, viver também", mesmo que seu barco tenho um motor com muitos HP's, não seja escrava dos instrumentos de navegação. Viva a vida e seja feliz.

    ResponderExcluir
  3. Oi borboleta, sou novo neste lugar, mas adorei seus textos. São profundos e cheios de um desejo de vida. Viver consiste em ser transformado e se transformar. Se transformado pelas contingências da vida, aquelas que não podemos controlar. Se transformar pelas decisões que tomamos. Seja como for mudanças vem e continuarão vindo. Tudo a nossa volta está em constante transformação, tudo em nós também, para melhor ou para pior. Mudar é o normal, não mudar que não é. Apesar de existir alguns que não querem mudar, que são estáticos. Então a questão não é se ela virão e sim como vou reagir a elas. Boas mudanças

    ResponderExcluir
  4. Borboleta belo texto!
    Obrigada pela visita!
    Boa noite!

    ResponderExcluir
  5. AMO BORBOLHETA !!!
    BELO TEXTO ... BEIJINHOS !

    ResponderExcluir
  6. Lindo texto!

    Venho desejar a você um ótimo inicio de semana!

    Estou esperando por você no Alma!

    ResponderExcluir
  7. Realmente tem coisas na vida da gente que aparta,que emerge,que desbarata qualquer coisa premetitada,qualquer coisa certa.Adorei!!!!.Obrigada pela visita no meu blog.Tambem sou uma liberlula.

    ResponderExcluir
  8. Realmente tomar nossas próprias decisões
    é uma satisfação que não tem preço.
    Ótimo texto, parabéns!

    Abraço

    ResponderExcluir
  9. OI BORBOLETA!
    MUITO BOA COMPARAÇÃO,SE FORMOS BARQUINHOS DE PAPEL NA CORRENTEZA,CHEGARÁ ESTE MOMENTO EM QUE ELE SE DESMANCHARÁ NA ÁGUA, A VANTAGEM É QUE COMO SERES HUMANOS, VAMOS TER A CHANCE DE NOS REFAZER A QUALQUER MOMENTO DA VIDA,PODEREMOS NOS LEVANTAR E MUDAR TUDO, MENOS RECUPERAR O TEMPO PERDIDO.
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. saldades meu bem .... sentindo falta de sua postagem... bjos

    ResponderExcluir
  11. http://paraneura.blogspot.com/

    esse é o meu blog
    DÊ uma olhada.
    gostei do seu,
    parabéns pelo trabalho.

    ResponderExcluir

Comentário dos que voam comigo...